thelastkingdom-malditosinvasores

As aventuras de Ultred e sua trupe.

A algum tempo atrás foi concluída a primeira temporada de “O Último Reino”, da qual eu acompanhei, série que adapta para a TV o famoso livro de Bernard Cornwell de mesmo nome.  A produção ficou a cargo da BBC que já possui um renome quando se trata de material medieval ou “histórico”.

Situada no ano de 872, a história tem como protagonista o jovem Uhtred, um nobre que perdeu os pais em um dos ataques vikings. Levado e criado por eles, Uhtred cresce e se torna um guerreiro. Mais tarde, ele parte com a missão de conquistar as terras onde nasceu. Enquanto isso, o Rei Alfred enfrenta problemas políticos e religiosos para unificar os reinos e transformá-lo no que hoje é a Inglaterra.

Não conheço o material do Bernard Cornwell, mas já ouvi excelentes elogios de diversas pessoas em que confio na palavra. Então, junto este um grande trabalho literário. Na série temos eventos com fundo histórico, batalhas que realmente ocorreram e pessoas/reinos que foram realmente abatidos pelos Vikings em sua invasão na Inglaterra. O que muda é apenas os fatos que levaram a cada acontecimento; tendo em vista que Uhtred é uma testemunha de tudo (É que segundo o escritor, se trata de um parente distante dele… Mó papinho).

960

Um dos principais problemas que eu encontrei na série é que o elenco dela não está a altura da trama, por mais que se tenha alguns bons atores encabeçando a primeira linha. Todos os personagens secundário e até mesmo o grupo de Vikings são muito sem carisma, o publico não consegue montar uma ligação com os personagens e nem mesmo ligar para o que ocorre com eles.

Para se ter uma ideia, o problema é tão grave que o ator Alexander Dreymon basicamente carrega à série nas costas. Ao decorrer dos eventos, claro, surgem diversos outros atores para manter o ritmo do show, mas todos sem o menor pingo de expressão. O que acaba dando um enorme desanimo para acompanhas as tramas que estão se desenrolando ao redor dos personagens principal.

Mas, apesar disso o enredo em si é muito bom. Diversas tramas vão ligadas ao personagem ao decorrer da série e ele mesmo mantem uma vingança pessoal que apenas na segunda temporada será explorada. Junto a isso também vamos observando como os reinos da Inglaterra estão se virando com a invasão dos Vikings e subjugação de diversos povos que constituem o reino.

No final das contas The Last Kingdom (O Ultimo Reino) é uma boa série, mas que ainda precisa melhorar muito seu elenco; com boas tramas, um personagem principal interessante e diversas cenas de combate essa pode ser uma boa pedida para o período em que vamos ficar sem aquela série.

7,5

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s